COMO O HISTÓRICO AUTORITÁRIO CONTRIBUIU PARA O ENFRAQUECIMENTO DA DEMOCRACIA NA RÚSSIA APÓS A CHEGADA DE VLADIMIR PUTIN AO PODER

MARIA EDUARDA BUONAFINA FRANCO DOURADO

Resumo


Após o fim da Guerra Fria passamos a constatar a queda de diversos regimes autoritários na África, na Eurásia pós-comunista, na América Latina e na Ásia. Alguns países entraram em um processo de transição para um Estado democrático. É importante lembrar esse processo de transição nem sempre leva o país a estabelecer uma democracia e muitos dos países terminaram retornando ao status de autoritário. No caso russo, nos chama atenção o seu processo de democratização que terminou por não se concretizar de acordo com a expectativa de muitos teóricos ocidentais. Na verdade, o que se formou no país foi um regime híbrido, uma mistura entre democracia e autoritarismo, no qual, é definido como autoritarismo competitivo ou autoritarismo eleitoral. O sistema político russo se resume em um governo centralizado e um poder executivo forte, característica básica de um governo autoritário, porém, também agrega mecanismos e instituições democráticas como eleições diretas, multipartidarismo e plebiscito. Sabemos que o país russo passou por um longo período de regimes autoritários, seja através do czarismo ou na forma de um partido político, como ocorreu com o Partido Comunista. Atualmente podemos admitir que o governo do presidente Vladimir Putin tem adotado diversas políticas caracterizadas como autoritárias (controle da mídia, disputas eleitorais injustas, repressão a oposição, entre outras violações) e o que termina chamando atenção é a aprovação popular a este estilo de governo. Sabendo que o país foi marcado por governos autoritários, este artigo se compromete a analisar a importância do autoritarismo para a formação do Estado russo e como isso ainda influencia a cultura política da sociedade russa atualmente. Além de fazer uma breve análise da experiência democrática nos anos 90. Ao fazer isso, poderemos identificar os principais fatores que contribuíram para o retorno de políticas autoritárias na Rússia governada por Vladimir Putin com apoio popular.

Texto completo:

01-20 | PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 2447-2646